Março de 2006 - Janeiro de 2009

21
Jun 06

Muita gente pensa que determinadas coisas só acontecem aos outros, daí utilizar-se esta expressão nas mais variadas situações. "Usem o preservativo , a SIDA não acontece só aos outros.", "Se conduzir não beba, os acidentes não acontecem só aos outros", "Faça um seguro, imprevistos não acontecem só aos outros.", e outras tantas do mesmo género.

Sinceramente acho que isto já é mais que sabido e se as pessoas não ligam, pouco me importa. Aquilo que me tem dado que pensar é exactamente o oposto. Se a cabeça não tem juízo o corpo é que paga, tudo bem ó Variações, mas já alguém viu as coisas ao contrário? Eu explico. Imaginem antes a quantidade de situações que de certeza não nos podem acontecer. Aquelas que, aí sim, só acontecem aos outros. Ou seja as boas.

Ganhar o euromilhões. Aquilo cá para mim nunca sai. Ninguém ganha mais que uns quantos trocos, seja nisto seja em qualquer outro tipo de jogo, e se ganham perdem mais cedo ou mais tarde.

Ter um Ferrari. Não estou a falar de estacionar carros no Casino de Estoril nem à porta do Tavares , estou a falar de ser dono de um. Nós até os vemos a passar na estrada, mas de certeza que devem ser uma miragem.

Ir para a cama com a Soraia Chaves, Alexandra Lencastre ou qualquer deusa deste campeonato. Aposto que todas as mulheres com tais atributos são virgens. Só podem. Nunca tive, nem conheço alguém que alguma vez tenha tido, o prazer de desfrutar destes monstros de prazer. Não, a masturbação não conta, e aquela vez que te roças-te com a Catarina Furtado na Kapital , às 4 da manhã enquanto ias a caminho do bar, não conta como sexo.

Ser um jogador de futebol, mas dos bons, pois tá claro. Aparecem na televisão, na rádio, nos jornais, nas revistas, em outdoors e nas embalagens de batatas fritas todo o santo dia, mas não somos nós pois não? Lá está, são os outros!

Ir ao espaço. Bem acho que nem os outros, já que tão pouca gente alguma vez lá foi. Esta categoria nem é para os outros é mais para aqueles.

Ganhar uma medalha olímpica . Esta em Portugal só pode dar para rir já que o único desporto é bola e mais bola e isso já está inserido numa categoria acima referida

Ter o aspecto do Brad Pitt . Sim tá bem, és tu e eu somos os dois muita lindos. Nem com metade das plásticas da Lili Caneças um de nós lá chegava perto.

Como estes exemplos há muitos mais, mas seja lá qual for aquele que estão a pensar uma coisa vos garanto. Isso só acontece aos outros.

publicado por Velho Jarreta às 00:53

comentário:
Humm este tópico não me parece é um assunto pouco em lume mas...passarias com um 12 nem que seja pela magnifica estruturação textual a por ai blogs que são verdadeiras castrações alfabéticas redigidos por individuos que só falam por vogais e de tempos a tempos monossilabos mas não é o teu caso como tal parabéns...
P.S-não,não sou professor de português e quem pensar que sou presunçoso eu digo:Na peida arroz doce.
Furakão a 26 de Junho de 2006 às 15:55

Junho 2006
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
13
15
16
17

18
19
20
22
23
24

25
26
27
29
30


mais sobre mim
pesquisar neste blog
 
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

blogs SAPO