Março de 2006 - Janeiro de 2009

11
Abr 06

Uma amiga minha conhecia uma pessoa que passou 20 anos a carimbar caixas. Sim, nada mais do que isso. Não tinha que saber, nem fazer, mais nada. Pura e simplesmente sentava-se em frente a uma linha de montagem com um carimbo na mão e dava marteladas a tudo o que lhe aparecia pela frente. Como é que é possível que alguém tenha estado tanto tempo a fazer um trabalho que até uma máquina acharia monótono? Carimbar, carimbar, carimbar e mais carimbar. Ao pé desta mulher o trabalho do Charlie Chaplin no filme Tempos Modernos parecia ser uma tarefa altamente estimulante.

Quando me contaram esta estória uma questão surgiu-me logo na mente. O que aconteceria a esta pessoa quando, passado 20 anos, fosse procurar outro trabalho. A probabilidade de ser recebida por um departamento de recursos humanos, para uma entrevista de emprego, após enviar um currículo que diga "elevada experiência profissional no campo do carimbismo ", seria tanta como de ganhar o euromilhões. Mas imaginemos que mesmo assim que vai à dita entrevista, onde lhe fazem as perguntas da praxe. Mas o que é que ela vai dizer em sua defesa? "Sim, eu tenho plena confiança nas minhas capacidades e acredito que tenho todas as condições para realizar esta tarefa.", "Oh minha senhora mas olhe engenharia física não é pêra doce .".

Porque essa é a grande questão, o que vai fazer uma pessoa que passou duas décadas a carimbar? Ainda se queixam que algumas pessoas não se adaptam às novas tecnologias. Se esta mulher fosse viva no tempo do infante D.Henrique aposto que este diria que esta gaja nem para carregar naus servia. Aposto que ordenado compensava, devia ser uma fortuna. Sim, porque carimbar em horas extraordinárias dá rios de dinheiro. É isso e ser taxista na Suíça . Enfim, se algum de vocês acha que é pouco qualificado e que o vosso trabalho é uma merda e já estão fartos, lembrem-se sempre que pelo menos uma pessoa já passou vinte anos a carimbar e carimbar e carimbar e carim …

publicado por Velho Jarreta às 17:29

2 comentários:
Ó Velho Jarreta, vê mas é se acordas. Ouve lá, quem me dera ter um trabalho desses toda a vida. Pensa bem. Á e tal sou um gajo franzino e passo a vida a carimbar, mas.... á sempre o mas. Tu já viste bem o músculo que um gajo ganha no braço direito a espetar carimbadas seja lá onde for??? Já viste bem a potência que não seria a batedura da sarapitola?? Carago, até havia de deitar fumo. MAs não fugindo do assunto, acho que pior mesmo são aqueles desgraçados dos chineses que andam a correr agarrados a uma carroça cheia de cámones. Fosga-se, por isso é que els andam sempre todos Chupadinhos, cum camandro. Olha, nao te esqueças do gajo dos correios que antigamente lambia os selos para as cartas, ehehe, devia ter cá um músculo na lingua para fazer uma coisa que eu cá sei...ehehehe.
Tovarish a 11 de Abril de 2006 às 18:26

Querias dizer minete? Chupar o grelo da conaça? Isso é o que se chama um lambe conas...há muitos por aí...fazer disso um emprego...também há os tripeiros e os lagartos...os chamados chupadores de caralhos...de cabeças de carralho...mas pior só o Sr. Melo a comer rodelas de chouriço ao almoço há mais de 20 anos...ou aqueles gajos que trabalham para a Câmara dentro dos esgotos atolados em merda...até aos olhos...acima do nariz...deve ser um cheiro em casa que não se aguenta...deve dar a sensação que andam sempre com merda na cueca...molho...só molho...
Quanto ao carimbo....olha ...que é difícil...há quem olhe sempre para a base do carimbo para não carimbar de pernas pro ar...são precisos 3 anos de pós graduação e pulso forte...como o do Cocky...isso é que é...senão acabas como ele a vender carcaças e pãezinhos de leite...além de aturar as velhas cheias de reumático...ora por falar em reumático...anda pra aí muita gaja boa...isso é que anda...com tops com os seios quase de fora...como na música do Nel Monteiro...esse monstro da woodstock de 1967...bem ...vou deixar de beber vinho à refeição..dá-me gases e o catano e mais isso...vou carimbar daqui pra fora...anad pra aí é muita paneleiragem...novamente são os tripeiros e os lagartos...filhos da puta...com exepção do Mamamamamama e do Belchior...quanto ao taxista da suíça é capaz de ser porreiro...só que o nome das ruas é em françês...Rue do Catane, ou Avenue do Emrrabú...
A propósito...anad pra aí é muita paneleiragem de tripeiros e lagratos...ui é fugir dessa cambada...como por exemplo ser taxista na Suíça...isso é que era...já não era preciso carimbar até ao resto da vida e ir vender carcaças e pães de forma...ou bolinhos secos...como os diospiro...santinho...
Florindo a 12 de Abril de 2006 às 22:59

Abril 2006
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
13
14
15

16
18
19
20
22

23
25
26
27
28
29

30


mais sobre mim
pesquisar neste blog
 
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Nº de pessoas presentes
Nº de leitores
free hit counter
hit counter
blogs SAPO