Março de 2006 - Janeiro de 2009

11
Abr 06

Uma amiga minha conhecia uma pessoa que passou 20 anos a carimbar caixas. Sim, nada mais do que isso. Não tinha que saber, nem fazer, mais nada. Pura e simplesmente sentava-se em frente a uma linha de montagem com um carimbo na mão e dava marteladas a tudo o que lhe aparecia pela frente. Como é que é possível que alguém tenha estado tanto tempo a fazer um trabalho que até uma máquina acharia monótono? Carimbar, carimbar, carimbar e mais carimbar. Ao pé desta mulher o trabalho do Charlie Chaplin no filme Tempos Modernos parecia ser uma tarefa altamente estimulante.

Quando me contaram esta estória uma questão surgiu-me logo na mente. O que aconteceria a esta pessoa quando, passado 20 anos, fosse procurar outro trabalho. A probabilidade de ser recebida por um departamento de recursos humanos, para uma entrevista de emprego, após enviar um currículo que diga "elevada experiência profissional no campo do carimbismo ", seria tanta como de ganhar o euromilhões. Mas imaginemos que mesmo assim que vai à dita entrevista, onde lhe fazem as perguntas da praxe. Mas o que é que ela vai dizer em sua defesa? "Sim, eu tenho plena confiança nas minhas capacidades e acredito que tenho todas as condições para realizar esta tarefa.", "Oh minha senhora mas olhe engenharia física não é pêra doce .".

Porque essa é a grande questão, o que vai fazer uma pessoa que passou duas décadas a carimbar? Ainda se queixam que algumas pessoas não se adaptam às novas tecnologias. Se esta mulher fosse viva no tempo do infante D.Henrique aposto que este diria que esta gaja nem para carregar naus servia. Aposto que ordenado compensava, devia ser uma fortuna. Sim, porque carimbar em horas extraordinárias dá rios de dinheiro. É isso e ser taxista na Suíça . Enfim, se algum de vocês acha que é pouco qualificado e que o vosso trabalho é uma merda e já estão fartos, lembrem-se sempre que pelo menos uma pessoa já passou vinte anos a carimbar e carimbar e carimbar e carim …

publicado por Velho Jarreta às 17:29

Abril 2006
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
13
14
15

16
18
19
20
22

23
25
26
27
28
29

30


subscrever feeds
mais sobre mim
pesquisar neste blog
 
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

blogs SAPO