Março de 2006 - Janeiro de 2009

21
Dez 08

Como é possível que este problema se repita todos os anos e ninguém faça nada? Não me lembro de um Natal em que pudesse andar à vontade. Está sempre um frio do caralho. Ou são maus isolamentos ou é a caldeira que está sempre desligada. Seja lá porque for é desagradável.

Que mania é essa de passar o Natal naquelas condições? Porque raio não se há-de poder passar a época festiva na praia de papo para o ar? É sempre pós outros, os do hemisfério sul. Esses passam sempre o Natal no quentinho. Cheios de sol, refastelados, O que é que eles fizeram para merecer isso.

E as consequências deste fenómeno? As constipações, o desconforto de andar com quilos de roupa e à quanto tempo nenhum de nós vê, no meio da rua, umas boas mamas a sair do decote? À que tempos, pois claro. Com este frio as mamas retraem-se. A mama é um bicho muito friorento e como tal tem tendência a hibernar entre os meses de Outubro e Março. O que, diga-se em bem da verdade é imenso tempo. Levem lá o frio e tragam cá as mamas. Muitas mamas, montes de mamas. O Natal já é assexuado demais, ao menos que hajam, lá está, mamas.

publicado por Velho Jarreta às 14:10

comentário:
Na impossibilidade de haver umas boas mamas, quero sugerir uns bons rabos...
Não é mesma coisa mas sempre dá para alegrar a vista...
Anónimo a 22 de Dezembro de 2008 às 14:11

Dezembro 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
13

15
18
19
20

22
23
24
25
26
27

30
31


mais sobre mim
pesquisar neste blog
 
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Nº de pessoas presentes
Nº de leitores
free hit counter
hit counter
blogs SAPO