Março de 2006 - Janeiro de 2009

23
Jun 08

Ainda à uns dias dizia que este homem era, aos 71 anos, o maior comediante à face da terra. Faleceu ontem. E como ele detestava homenagens fúnebres, pois era tão herege como eu, aqui fica a minha.

Meu caro "Old Fuck" esse coração sempre foi muito fraco fisicamente mas muito forte emocionalmente. Como tal não seria de esperar outra coisa. Dizias que tinhas ataques cardíacos de 7 em 7 anos , como já estavas com um atraso veio em boa hora. Em todo o caso, os kilos de coca que tu aspiras-te décadas atrás não devem ter feito muito bem. Mas como nunca te arrependes-te de nada do que fizeste acho que valeu a pena.

Sei que estou a falar sozinho porque como já constatas-te agora, a certeza que sempre tiveste realmente, não há vida depois da morte. Ou há? Bem quando chegar a minha vez logo vejo.

Muito obrigado por me ensinares aquilo que é mais difícil, trabalhoso e complexo de entender que existe na vida. O pensar pela nossa própria cabeça e sermos nós próprios. A questionar tudo mas sem nos chatearmos muito com isso. A viver a vida sem grandes stresses e grandes merdas. Pessoalmente optimista e céptico em relação a tudo o resto.

E fico-me por aqui pois eu tenho uma vida para viver e tu não. Ainda há quem faça alguma coisa e tenha algo com que se preocupar. Ao contrário de ti que não deves estar a fazer nada. Claro que não, estás morto e assim deves ficar nos proximos tempos.

publicado por Velho Jarreta às 12:30

Junho 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
13
14

15
16
17
18
19
20
21

22
24
25
26
27
28

29
30


mais sobre mim
pesquisar neste blog
 
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Nº de pessoas presentes
Nº de leitores
free hit counter
hit counter
blogs SAPO